Resenha: Como eu era antes de você

1 de out de 2014
Como eu era antes de você
Jojo Moyes
Editora Intrínseca, 2013
320 páginas

Aos 26 anos, Louisa Clark não tem muitas ambições. Ela mora com os pais, a irmã mãe solteira, o sobrinho pequeno e um avô que precisa de cuidados constantes desde que sofreu um derrame. Trabalha como garçonete num café, um emprego que não paga muito, mas ajuda nas despesas, e namora Patrick, um triatleta que não parece interessado nela. Não que ela se importe. Quando o café fecha as portas, Lou é obrigada a procurar outro emprego. Sem muitas qualificações, consegue trabalho como cuidadora de um tetraplégico. Will Traynor, de 35 anos, é inteligente, rico e mal-humorado. Preso a uma cadeira de rodas depois de um acidente de moto, o antes ativo e esportivo Will desconta toda a sua amargura em quem estiver por perto. Tudo parece pequeno e sem graça para ele, que sabe exatamente como dar um fim a esse sentimento. O que Will não sabe é que Lou está prestes a trazer cor a sua vida. E nenhum dos dois desconfia de que irá mudar para sempre a história um do outro.

Todo mundo estava comentando sobre esse livro, li diversas resenhas positivas e decidi lê-lo. Esse é o tipo de livros que conquista, e muda a forma como enxergamos determinadas situações do dia a dia, fazendo-nos refletir sobre a solidariedade, sobre a amizade, e sobre o amor verdadeiro – principalmente até onde conseguimos ir em nome desses sentimento. Como eu era antes de você é um desses livros impactantes, e que eu nunca, nunquinha esquecerei. Eu terminei o livro chorando, pois não queria que ele acabasse. Foi tudo tão intenso e bonito, que você não quer que acabe, quer ficar ali para sempre, se emocionando com a vida dos personagens.
Louisa Clark é uma moça de 26 anos que mora com os pais, trabalha como garçonete em um café numa pequena cidade inglesa e tem um relacionamento de quase 7 anos - não muito intenso - com Patrick. No entanto, ela vê sua vida de virar de cabeça para baixo quando o dono do café onde trabalha decide fechá-lo. Sem estudo e sem saber fazer outra coisa na vida, a única opção de emprego que Lou encontra é como cuidadora de um tetraplégico. Will Traynor é um homem de 35 anos que viu seu mundo desabar completamente dois anos antes, quando uma moto o atropelou e o deixou tetraplégico. Inteligente, culto, porém extremamente mal humorado, Will não aceita sua nova condição pós-acidente. Ele não vê motivos para continuar vivendo dessa forma, e conseguiu convencer a sua mãe que o levasse, dentro de seis meses, para a Suíça, para que ele possa dar um fim ao seu sofrimento. Mas, ele é surpreendido com a chegada de Louisa ou Clark - como ele a chama - que tornará estes seis meses, os melhores de sua vida.
"Eles (seus olhos cinzentos) levavam o olhar vazio de alguém que está sempre alguns passos afastados do mundo a seu redor. Às vezes, eu me perguntava se aquilo não era um mecanismo de defesa de Will, já que a única maneira que encontrou de lidar com sua vida foi fingir que não era com ele que aquelas coisas estavam acontecendo." p.45
É claro que no início foi um pouco difícil, uma vez que Will afastava qualquer pessoa que chegasse perto, mas Lou conseguiu o que pareceria ser impossível: construir uma relação de amizade, mas que não demora muito para se transformar em amor.
“Estou lhe dando isso porque poucas coisas ainda me fazem feliz, e você é uma delas”. “É isso. Você está marcada no meu coração, Clark. Desde o dia em que chegou, com suas roupas ridículas, suas piadas ruins e sua total incapacidade de disfarçar o que sente. Você mudou a minha vida (...)”. p.317
A autora, além do lado romântico da história, retrata muito bem as dificuldades que os cadeirantes vivenciam todos os dias, mas o livro não trata exatamente disso e de como um tetraplégico foi incentivado, mas sim sobre troca de experiências, sobre aquelas pessoas que, quando menos esperamos, acabam nos surpreendendo e mudando o nosso modo de ver a vida. O título "Como eu era antes de você" se encaixa perfeitamente no livro, já que mostra a mudança que ocorrerá nos personagens. Este livro faz você pensar na vida, na essência de quem somos, nas decisões que tomamos, em como as coisas acontecem de forma inesperada, e como uma pessoa pode mudar a sua vida completamente.

Eu não tenho palavras para descrever a beleza desse livro. Apenas tenho que dizer: Leia!
4 comentários:
  1. Depois dessa resenha o livro entrou para a minha lista de leitura. Adorei,a história é perfeita.
    Beijos ♥ ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sério Jenny, leia! O livro é maravilhoso.
      Beijos

      Excluir
  2. Eu comprei esse livro e não vejo a hora de ler *o*
    vai virar filme, né? tbm to ansiosa!

    beijos


    Talita
    http://cerejarocks.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vai virar filme siim e estou louca para assistir e chorar tudo de novo kkkk

      Beijos

      Excluir

 
Todos os direitos reservados © - Tecnologia do Blogger Layout e desenvolvimento por Carla Vieira · Ilustração por Laura Melo